rss search

Home office mais home do que office

line

imagem: weheartit.com

Então li tudo sobre home office. Sites como A Beautiful Mess mostram escritórios em casa maravilhosos, ambientados, serenos, perfeitos para a inspiração fluir e a criatividade bater recordes.

Pena que esses sites não tem som ao vivo e nem mostram uma criança brincando de Homem Aranha pendurada na janela. Sim, o rádio existe, a TV passando Dora Aventureira também. Tem o entregador que chama, o vizinho funkeiro, o cara que veio carpir o mato da calçada, o telefone que toca. E tem que acordar uma hora antes pra adiantar o almoço, passar o café e botar o pão de ontem no forninho. Afinal, não dá tempo de ir à padaria e nem deveria, isso de home office quer dizer trabalho e trabalho é aquilo que você faz enquanto está no escritório ou faz em casa nos mesmos moldes, mesmo que o resto do mundo pense que simplesmente você “está em casa”.

Estar em casa não estando. É como o pai presente apenas de corpo, que nunca se conectou de alma com os filhos. Fazer as pessoas acreditarem que você ali sentada na frente do computador na copa de casa está produzindo conteúdo é a parte difícil. Trabalhar é fácil. Tem o Exchange que nos libera os emails todos e o Runrun que é online.

A jornada mal começou. A evangelização do filho, dos parentes, do leiteiro é continua: mamãe não está em casa. Até está para um beijo e abraço de bom dia, uma parada para um café e arrumar as coisas do pequeno para levar pra escola. Mas não para brincar ou bater papo. Essas coisas ficam para o fim da tarde, como sempre foram.

Acredito no feitiço do tempo que faz as coisas se assentarem, ou somos nós que nos acostumamos às novidades. Controlar a ansiedade de não dormir na noite anterior ao home office já parece passado. Agora é olhar para o futuro quando não vou mais cantar junto com a abertura do Cocoricó.



Leave a Comment

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

*

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>